Aquela boa noite de sono é algo desejável para uma grande quantidade de pessoas. Para se ter uma ideia, nos Estados Unidos aproximadamente 4% das pessoas com mais de 20 anos ingerem algum tipo de medicação para dormir. Por outro lado, de acordo com um estudo publicado na revista Current Biology, acordar pode ser um problema muito mais comum: eles descobriram que 70% da população tem o que se chama de sono jet lag, ou a idéia de que temos que acordar antes que nosso biorritmo natural deseje. Um estudo publicado na revista PLOS ONE, revelou que esta condição pode afetar o estado de alerta de uma pessoa, e causar falta de memória e de tempo de reação, com sintomas que podem persistir por até uma hora.

O sono saudável ocorre em quatro etapas: A primeira etapa é a transição para um sono leve, e as ondas theta pulsam através de seu cérebro durante esta fase de 5 a 10 minutos. Na segunda fase, os batimentos cardíacos diminuem, assim como a temperatura corporal, e o cérebro produz rajadas de atividade chamadas de fusos do sono. Na terceira fase, que dura cerca de uma hora, o cérebro produz ondas delta. Quarta etapa é quando finalmente quando você sonha. Durante uma noite de sono saudável, uma pessoa vai passar por estes estágios de 4 a 5 vezes. Se seu despertador lhe acordar durante a terceira fase, os estudos têm mostrado que isso pode trazer problemas: É neste período que você vai experimentar o “sono jetlag” mais intenso, ou “sono por inércia” (já que seria o estado mais profundo do sono).

Então, qual é a melhor maneira de sair dessa sensação de ser atropelado por um caminhão? Estudos têm demonstrado que a melhor maneira – não importa o quão difícil possa parecer – é renunciar ao botão de soneca de seu despertador, arrastar-se para fora da cama, e acender as luzes.

Mais pesquisas são necessárias, mas a retina está ligada ao núcleo supraquiasmático (SCN), que controla o nosso ciclo de sono e a liberação de seus hormônios reguladores como a melatonina. Como tantas outras coisas na vida, ter um sono saudável no ciclo dormir/acordar exige disciplina e repetição, ou seja a formação de um hábito (nosso cérebro precisa de 21 dias para internalizar um hábito!).

Psicólogos especialistas no sono falam sobre ter boa “higiene do sono”, que basicamente significa ir para a cama um pouco antes da hora de dormir, definir o alarme para acordar ao mesmo tempo todos os dias (inclusive nos fins de semana!) e aderir assim a uma rotina que favoreça a sensação de ter tido uma bela noite bem dormida.

Fonte: Test Tube

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here