“Por diversos motivos… o desenvolvimento dessas capacidades pode ser prejudicado ou interrompido”

Durante o ciclo da vida, o ser humano passa por diversas mudanças. Na infância, ocorre o intenso desenvolvimento das capacidades neurológicas, psicológicas e motoras sendo que muitas das habilidades que utilizaremos em toda a vida são adquiridas e desenvolvidas neste período.
Ao vivenciar novas experiências, as crianças adquirem as seguintes habilidades:

  • Motoras, como por exemplo, andar, correr, pular e manipular os objetos;
  • Cognitivas, como processar as informações, manter a atenção nas tarefas, memorizar conteúdos;
  • Emocionais, como demostrar sentimentos, controlar raiva, lidar com frustrações;
  • Percepto-sensoriais, como perceber seu corpo no espaço e distinguir objetos através do tato;
  • Comunicação, como por exemplo aprender gestos, falar, expressar uma necessidade;
  • Sociais, como iniciar um diálogo, compartilhar objetos e conviver em grupo.

Por diversos motivos (síndromes, malformações, lesões neurológicas e ortopédicas, déficit de atenção e hiperatividade, atrasos, deficiências intelectuais e físicas, problemas de saúde mental, entre outros) o desenvolvimento dessas capacidades pode ser prejudicado ou interrompido.
O desempenho da criança nas atividades cotidianas é diretamente influenciado, e ela pode apresentar dificuldades na hora de brincar, estudar, cuidar-se, comer, vestir-se, participar de atividades em grupo, entre outras. O Terapeuta Ocupacional tem amplo conhecimento sobre o desenvolvimento infantil. Sendo assim, o profissional realiza uma avaliação completa do desempenho ocupacional, identifica quais as capacidades precisam ser adquiridas em determinada idade e traça objetivos no sentido de melhorar, adaptar e/ou possibilitar o desempenho da criança nas atividades, melhorando assim sua qualidade de vida, saúde, educação e participação nos ambientes sociais.

No tratamento, a utilização de jogos, brincadeiras, atividades expressivas e artísticas é uma importante estratégia no trabalho com as crianças, pois promove o aprendizado e o desenvolvimento com mais facilidade e rapidez.

O Terapeuta Ocupacional também domina e utiliza técnicas e estímulos específicos, treino e adaptação das atividades de vida diária, prescrição e confecção de tecnologias e recursos para ampliar habilidades funcionais, orientação dos familiares, entre outras.

A Terapia Ocupacional é muito importante na vida de crianças que possuem dificuldades e limitações para realizar as atividades cotidianas. É importante lembrar que o tratamento/reabilitação da criança precisa ser iniciado o quanto antes, pois quanto mais cedo, maior a facilidade para aprender e se adaptar.

Ellen Cristina Masalskas terapia ocupacional Meu filho precisa de Terapia Ocupacional? ellenmasalskas
Autora da Matéria | Colaboradora
Ellen Cristina Masalskas
Terapeuta Ocupacional
CREFITO 3/15476-TO
Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – USP
Residência Multiprofissional em Atenção Integral à Saúde HCFMRP – USP
+16 99172.5407
terapia ocupacional Meu filho precisa de Terapia Ocupacional? email

SEJA UM COLUNISTA
SEJA UM COLABORADOR
CONHEÇA NOSSO TIME

[td_slide category_id=”16″ hide_title=”hide_title” limit=”5″]
[td_block1 hide_title=”hide_title” limit=”5″]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here