Temos percebido uma grande avalanche de textos e posts na internet, principalmente nas redes sociais sobre metas, objetivos e sonhos. O que será que está acontecendo com a humanidade? Por qual motivo se fala tanto nesses temas nos dias de hoje? Como você imagina sua vida daqui a 10 anos?

Obviamente que a resposta para essas perguntas é muito complexa, e cada pessoa pode construir a sua resposta tranquilamente. O objetivo aqui é apenas colocar alguns aspectos para pensarmos juntos, tudo bem? Se você tem uma outra teoria ou opinião, por gentileza compartilhe conosco! Será uma honra para nós!

Uma tendência que tem contribuído muito para isso é o Coaching, que tem como base principal levar uma pessoa ou empresa do ponto A até o ponto B. E para que isso aconteça, o tema Metas e Objetivos é muito abordado, e por incrível que pareça, tem funcionado muito bem! Digo por experiência própria pois sou Coach e já vi transformações extraordinárias em pessoas e em empresas! E os créditos aqui não são do Coach, isso é muito importante. Os créditos são todos do Coachee (cliente), que conseguiu encontrar respostas dentro de si, e caminhou firme e forte em direção as suas metas e objetivos.

Outra tendência que também contribui com esse tema é o ramo corporativo, ou seja, as empresas têm entendido cada vez mais que é mais que obrigatório ter metas e objetivos: é crucial para seu sucesso! As metas e objetivos direcionam a empresa, departamentos e funcionários. É como uma bússola bem ajustada, que faz com que as pessoas executem tarefas na direção correta (pelo menos deveria ser assim).

De forma geral, as pessoas e empresas estão percebendo que precisam de um rumo para sua vida e seu sucesso, seja no âmbito pessoal ou profissional, e acabam percebendo que um dos caminhos é exatamente a definição de metas e objetivos, de curto, médio e longo prazo.

Isso é muito bacana, porém é importante ficar atento a alguns pontos:
1.Lembre-se se usar Metas SMART. Se a meta não for SMART, o risco de não atingi-la é muito alto.

2.Pense sempre em metas de curto, médio e longo prazo. As metas de curso prazo motivam as pessoas, e geram energia para que as demais também sejam alcançadas.

3.Cuidado com a burocracia. Evite os extremos, processos rigorosos, dezenas de planilhas. O controle tem que ser muito leve, e algo natural. Algo que realmente motive, seja para metas pessoais ou corporativas. Processos engessados estão fora!

4.Respeite seus valores. Suas metas, ou as metas da sua empresa/departamento, não podem ir contra os seus valores. Por exemplo, se um dos seus valores é o Respeito, você não pode trabalhar em uma empresa que oferece propinas, que superfatura. Caso contrário você estará corrompendo, ou vendendo, os seus valores. Ou seus valores não são importantes para você?

5.As metas devem estar relacionadas com seus objetivos. O objetivo é algo grande, é o alvo. Geralmente dizemos que o objetivo está relacionado com o seu último dia de vida aqui na Terra, ou seja, como você gostaria de estar no seu último dia de vida? O objetivo é o alvo final, algo grande mesmo. E as metas são os passos e conquistas intermediárias que te levarão para o objetivo. No âmbito corporativo, a empresa como um todo tem seus objetivos, e isso é quebrado em metas para os departamentos, e consequentemente chegam para todos profissionais.

6.O objetivo tem que ser algo muito nobre, algo que realmente esteja relacionado com o seu legado, algo grande, além do mundo material, físico. Pense por exemplo em como você poderia contribuir para a construção de um mundo bem melhor, gerar condições, gerar empregos, ajudar o próximo, ser alguém que será lembrado eternamente. Sei que isso foge um pouco dos padrões impostos pela sociedade, mas um dia as pessoas deverão ter Coragem de questionar esses padrões, e agir diferente. Afinal de contas, veja só para onde o nosso planeta está caminhando utilizando-se desses padrões estabelecidos (guerras, massacres, atrocidades, etc.). Se quiseres resultados diferentes, deverá agir diferente.

7.Uma vez definido suas metas e objetivos, você poderá aplicar técnicas de gestão do tempo. Usar seu tempo de forma econômica e inteligente é crucial, e saiba que quanto mais coisas você fizer que não estão relacionadas com suas metas e objetivos, mais tempo você está perdendo. Lembre-se de ter foco no importante. Na empresa, questione se tal processo, tal relatório, tal formulário, estão relacionados com as metas e objetivos da empresa, o que está agregando.

E deixo aqui um desafio para você: o que mais você usa na sua vida e empresa para alcançar suas metas e objetivos? Mais tem que ser um testemunho mesmo, algo que você pratica e é exemplo. Afinal de contas, de nada vale um conhecimento se você não aplica na sua vida.

Um forte abraço, sucesso e paz na sua vida, e nos vemos em breve!


Matéria por: Fabiano Santana

  • Fabiano Santana
    Fabiano Santana
    Colunista
Fabiano Santana
Colunista

Coaching
Praticamente 20 anos de experiência no mercado corporativo, atuando em posições de Gestão, Liderança e Consultoria Executiva.

Atualmente, Professional, Life and Self Coach, tem como Missão ajudar as pessoas a alcançarem suas metas e objetivos, pessoais ou profissionais. Autor de 3 livros, centenas de artigos e dezenas de e-books, teve também atuações como professor convidado em cursos de Pós Graduação e dezenas de palestras executadas pelo Brasil afora.

Clique aqui para acessar todos os textos do colunista
Site Pessoal
E-mail


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here